Hormônios no climatério e na menopausa são uma grande discussão, geram medo e inseguranças devido ao risco de desenvolvimento de câncer.

Sou uma grande defensora deles, pois trazem benefícios inigualáveis as pacientes que podem usufruir deles.

Há poucas décadas foram publicados estudos que falavam contra a reposição hormonal. Os principais danos que os hormônios supostamente trariam eram: câncer de mama, endométrio, AVC (derrames) e infartos.

Vários pontos negativos levaram a estes desfechos, principalmente porque a tecnologia ainda não era tão avançada como é hoje.

E como tudo na vida não podemos ter medo dos nossos erros e sim aprender com eles. Saber extrair lições de nossas falhas é algo que engrandece o ser humano. E foi desta forma que aprendemos a escolher as pacientes que se beneficiam e ou não da terapia hormonal.

Mas existem benefícios? Sim e muitos. E vão muito além dos fogachos, aqueles calores super chatos desta fase.

Impacto no sistema cardiovascular, nos ossos, no sono, na memória, na concentração, na pele, no cabelo, na incontinência urinária, na lubrificação genital, e por último e talvez mais importante: no bem estar!

Além dos hormônios ainda podemos ajustar todos os micronutrientes, e trazer harmonia para o corpo de quem está passando por uma das mais importantes transformações da vida de uma mulher, esta tão falada menopausa.